quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Coitadinha


Pobre com carinha de coitadinha essa é a definição para algumas garotas...
Roupa barata, brega, justa e bem colorida... Roupa do Brás!!!
Sobrancelha fina acima dos olhos, modelo que tira expressão e faz parecer que a sujeita tem duas testas...
Cabelo crespo de cor escura, alisado e pintado de loiro!
Pode até ter traços de beleza e ser jovem, mas se perde na vulgaridade e na breguice!
Percebe-se pelo linguajar a origem sem cultura da coitadinha...
Modelito brega que precisa de um homem (seja lá como ele for) para orientar a pobrezinha e mantê-la sortida de suprimentos... Pois no decorrer da carreira tem um rebento com cada pai pobre e vai angariando fundos para sobreviver de maneira mais cômoda.
Mas... Para todo o homem ingrato existe uma mocinha disponível e um par de adereços para ser utilizado no lugar do chapéu!

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Casar pra que


Não sou adepta aos casórios...
Não acho bonito e não vejo utilidade nesse tipo de evento...
Porém, acabei de ver as fotos de um casamento o qual poço dizer é o cumulo da breguice!
O noivo, e não se trate de nenhuma celebridade ou de algum fazendeiro bem sucedido, usando chapéu de peão e cavanhaque, eca!
As balofas vestidas com seus vestidos baratos e maquiagem muito carregada aparecendo mais do que as renas do papai Noel em noite de natal!
O bolo com casal de noivos pescando e balde de cachaça ao lado...
Gravata, óculos coloridos, mascara e tiaras de letrinhas nas cabeças, para que esse tipo de adorno?!
Convidados do noivo vestidos a caráter cowboys! Botina, cinto com fivela e camisa xadrez...
Caneca de plástico para servir chopp... Aquelas canecas universitárias.
Chinelo Ipanema de oncinha como lembrança de casamento!!!
Coração de papel com o nome das amigas!
Amigos do noivo brincando de virar cambalhota na pista de dança...
Garrafão de vinho barato para cortar a gravata do noivo e buzina (tipo corneta)...
Qual noiva aceita esse tipo de festa?
Só de olhar para o noivo eu já sairia correndo da porta da igreja e não olhava para traz...
Um chapeludo com cara de pinguço... A amiga tem de ser uma encalhada para encarar um modelo tão desatualizado.
Imagine daqui alguns meses ele com os amigos na gandaia e a gorducha cuidando da casa!
Casar pra que?

sábado, 19 de janeiro de 2013

Brega


Aproveitando o ensejo, já que estou a falar mal de terceiros...
Tenho algumas amigas e até amigos, os quais ganhariam premiações no quesito brega.
Uma passa dois quilos de lápis preto ao redor dos olhos para ressaltar a cor verde dos olhinhos...  E puxa gatinhos... Além do blush parecendo integrante circense.
O outro usa tênis tipo all star azul jeans com meia social marrom até o meio da canela de bermuda e camiseta de propaganda. É cômico.
A outra criatura trabalha como se estivesse fazendo faxina, maquiagem mal feita passa delineador e só. Usa regata de oncinha com cinto fininho por cima, sandália tipo plataforma, calça social colada... Blusa cor de rosa transparente com babados e calça social marrom, a sandália plataforma branca não pode faltar.  É complicado para explicar a composição do look da senhora.
Tem aquela com motivos infanto juvenil, a qual não amadureceu não se enxerga como uma mulher adulta.
Outras usam uma variante de tecidos baratos e estampas ou cores que destoam entre si.
As senhoras que se vestem com as roupas que parecem das filhas, lutam pelo espaço no meio jovem, são as gatas maduras que arrasam.
Todas convictas que estão causando alvoroço por onde passam.  Elas chamam a atenção do publico... Por denegrirem a própria imagem!
Deveria existir lei contra gente mal vestida.

Falando mal


Em determinada ocasião um “ex” sugeriu que eu fizesse uso deste espaço para destilar meus impropérios a respeito da vida alheia de terceiros...
Seguindo sugestões vou iniciar homenageando o tal do “ex”...  
Quer melhor do que falar mal do estropício... Do pobre estorvo do qual já se fez uso!
Esse “ex” no inicio do namoro estava magro, mas como é cheio de síndromes e neurose não se conteve e deve vir a explodir em breve.
(Ouvindo Pagu como trilha sonora...).
Nunca comentei, mulher não deve falar tudo ao homem com o qual se relaciona... Mas... O coitado percebia que quando passava um cara sarado eu quebrava meu pescoço para olhar as beldades.
Amo homem sarado e com pegada firme! Alto com cara de homem másculo e canalha.
Os canalhas são perfeitos... Homem bonzinho é só fachada, esses é que trazem sofrimento. Os cafajestes só trazem alegrias, prazer e satisfação... Uma delicia!
Homem na faixa etária dos quarenta anos e com um corpo semelhante ao hipopótamo não realiza, a não ser quando sai de cima literalmente...  Ronca demasiadamente, ocupa muito espaço físico na cama e para completar é lento... Não é algo agradável aos olhos...
Coitado do gorducho!  De quebra o bonito requebra, ele tem um lado Lady Gaga, meigo, delicado, um estilo *qualquer dia saio do armário e me liberto amiga!*
Eu nunca falei o motivo do meu péssimo humor! Kkkkk... Mas... Era falta de atividade amorosa!
Olhar para um tiozão balofo comendo uma pizza inteira e ingerindo um pet de refrigerante não é nada sensual... Nesse ritmo não existe clima!
A bolota me faz lembrar o rabicó, aquele porquinho do sitio do pica pau amarelo! Eu só enxergava o rabicó em meio à protuberância abdominal... E para conseguir um pouco de alegria era necessário fazer uso das diversas técnicas de persuasão elogiando o esfarrapado, gordo com baixa estima e deprimido não trabalha!